otoplastia dura para sempre

A Otoplastia Dura Para Sempre? Qual a Chance da Orelha de Abano ‘Voltar’?

Realizar uma cirurgia plástica reparadora como a otoplastia é um investimento em bem-estar e autoestima, e como tal, nada mais natural para quem está considerando a cirurgia do que querer saber: afinal, a otoplastia dura para sempre?

Se você ou alguém do seu convívio tem orelhas de abano e está buscando uma resposta sobre as chances das orelhas de abano “voltarem” após a cirurgia, você está no lugar certo! Neste artigo falamos sobre a chance de recidiva da otoplastia, esclarecendo a sua eficácia a longo prazo, discutindo a possibilidade de recorrência e fornecendo informações essenciais para aqueles que desejam entender a durabilidade desse procedimento. 

Também te contamos quais são os nossos números aqui no Doutor Orelhinha e o que as pesquisas médicas indicam sobre essa questão. Afinal, a otoplastia dura para sempre? Vamos à resposta!

Otoplastia: Uma Solução Definitiva Para as Orelhas de Abano?

A otoplastia é a cirurgia plástica reparadora das orelhas de abano. É um procedimento consolidado e realizado há décadas, que se tornou ainda mais seguro e eficaz com as técnicas modernas da medicina plástica.

A otoplastia é realizada com anestesia local e sedação. O procedimento dura de 40 a 60 minutos, variando conforme a complexidade da correção necessária.

Durante a cirurgia, o cirurgião faz uma pequena incisão atrás da orelha para acessar a cartilagem. A cartilagem é então remodelada ou reposicionada para corrigir a deformidade. Em alguns casos, uma quantidade de cartilagem pode ser removida para atingir o resultado desejado. O objetivo é aproximar a orelha da cabeça, diminuindo o ângulo formado e tornando o conjunto estético e com o aspecto mais natural possível..

Após a reposição da cartilagem, a orelha é suturada na nova posição para manter a correção. A pele ao redor da orelha também é suturada e protegida com um curativo para manter a cartilagem no lugar.

Após a cirurgia, o paciente é monitorado brevemente e, se não houver complicações, pode voltar para casa no mesmo dia. 

orelha de abano pode voltar

Qual a Chance de Recidiva da Otoplastia? A Orelha de Abano Pode “Voltar”?

No vocabulário médico, “recidiva” é o nome que se dá ao retorno de uma condição já tratada. O termo pode ser usado tanto para o tratamento de um tumor, por exemplo, quanto para uma cirurgia plástica reparativa, como é o caso da otoplastia.

Ou seja, quando falamos nas orelhas de abano ‘voltarem’, estamos falando sobre a chance de recidiva – a chance das orelhas retornarem a uma condição total ou parcial àquela anterior à cirurgia.

Aqui no Doutor Orelhinha, nós temos uma taxa de cerca de 2% de recidiva. Ou seja, 98% dos pacientes não precisam de nenhum tipo de retoque após a realização da operação. Quando olhamos estudos médicos publicados, encontramos números similares ou um pouco acima.

Um estudo de 2016 chamado “Complicações em Otoplastia” e publicado na Revista Brasileira de Cirurgia Plástica, por exemplo, acompanhou o desenvolvimento pós-cirúrgico de 60 pessoas que passaram por cirurgia de correção da orelha de abano. 

A recidiva aconteceu em 3,3% dos pacientes. O artigo conclui, ainda, que o número é próximo àqueles que são comuns na literatura médica. Outras pesquisas que podemos encontrar online, de fato, indicam números entre 3% e 5% de recidiva.

orelha de abano recidiva

Fatores que Influenciam a Durabilidade dos Resultados

E quais são os fatores que podem levar as orelhas a voltarem a um quadro considerado como orelhas de abano? Falaremos sobre estes fatores abaixo.

O mesmo estudo que citamos acima, publicado pela Revista Brasileira de Cirurgia Plástica, cita como motivos principais para a recidiva “ruptura precoce das suturas, hematoma e infecção”.

Ou seja, podemos dizer que a durabilidade da otoplastia e o trabalho para diminuir as chances da orelha “voltarem” estão muito relacionados ao pós-operatórios.

Pontos

A ruptura precoce dos pontos, no entanto, é um fator que pode ser trabalhado já na cirurgia. Ńesse sentido, é importante entender que hoje existem diferentes tecnologias médicas para a realização da sutura. Um dos principais fatores diz respeito ao tipo de ponto.

Nas cirurgias de otoplastia realizadas pelo Doutor Orelhinha, nós utilizamos pontos absorvíveis de monocryl, uma sutura sintética absorvível, que reduz a ocorrência de complicações como a ruptura ou “expulsão” dos pontos. Por serem pontos absorvíveis, eles não precisam ser retirados por um médico ou enfermeiro, e são absorvidos naturalmente pela pele – ou caem, também naturalmente.

Infecções e traumas

Já o risco de infecções e traumas podemos chamar de multifatoriais, mas ambos podem ser minimizados com os melhores cuidados pós-operatórios.

Cuidados Pós-Operatórios e Sua Influência

Vamos entender mais sobre esses cuidados pós-operatório e como eles influenciam a responder se a otoplastia dura para sempre?

Estes cuidados começam no próprio dia da cirurgia e passam pelo repouso nos primeiros dias de pós-operatório. É essencial, por exemplo, evitar o aumento da pressão na região das orelhas, evitando atividades físicas e inclinar a cabeça para baixo.

Além disso, o paciente sai do hospital com um curativo cirúrgico e deve tomar todos os cuidados orientados pela equipe médica, como a correta troca, higiene e uso de medicamentos.

Outro fator de risco diz respeito às lesões. Por isso, é importante evitar pancadas, fricções e afins na região. Isso inclui algumas boas semanas longe de qualquer atividade física que possa gerar lesões na área, como esportes de contato (futebol, basquete) e, claro, lutas.

Por fim, alimentação! Uma dieta leve, pouco gordurosa e evitando crustáceos e carnes cruas também dá aquela ajuda para que a cicatrização e o pós-operatório sejam os melhores possíveis.

otoplastia volta

Conclusão: Afinal, a Otoplastia Dura para Sempre?

Como explicamos ao longo deste artigo, a otoplastia é um cirurgia com baixíssima recidiva. Ou seja, quando a cirurgia é realizada por um profissional capacitado, em ambiente adequado, com tecnologia de ponta e os cuidados pós-operatórios são tomados, a chance da orelha de abano “voltar” é muito baixa.

Aqui no Doutor Orelhinha temos uma taxa de 98% de sucesso total – não há necessidade de retoques. A literatura médica indica números próximos ou um pouco acima. 

Assim, podemos dizer que a otoplastia é uma cirurgia considerada definitiva, ainda que exista uma chance bastante pequena de recidiva.

Esperamos que este artigo tenha te ajudado a ter mais clareza sobre se a otoplastia dura para sempre e se as orelhas de abano podem “voltar” após a cirurgia. Ficou com alguma dúvida? Converse com a gente pelo WhatsApp!

Cirurgia de otoplastia com valores acessíveis

Preencha o formulário abaixo para falar com a nossa equipe no whatsApp agora mesmo.


    Artigo revisado pelo: Dr. Marcelo Assis
    CRM: SP 93498  

    Cirurgias de orelhas

    Tire suas dúvidas sobre cirurgias de orelhas

    Preencha os campos a baixo e fale conoso 



      Outras pessoas também leram

      Preencha os campos a baixo para iniciar sua ligação gratuitamente.





        Atendimento Orelhinha

        Online

        Olá! 😁  receba valores cirúrgicos pelo WhatsApp agora mesmo.

        Para iniciar a conversa, preencha os campos abaixo:

          Atendimento Orelhinha

          Online

          Olá! 😁  Tire todas as suas dúvidas via WhatsApp.

          Para iniciar a conversa, preencha os campos abaixo:

          16:13









            Nossa agenda de maio já está definida!

            Cadastre-se e confira as datas disponíveis para realizar sua cirurgia







              Atendimento Orelhinha

              Online

              Olá! 😁  Tire todas as suas dúvidas via WhatsApp.

              Para iniciar a conversa, preencha os campos abaixo:

              16:13